O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Copa do Mundo

Argentina vence Croácia por 3×0 e está na final da Copa do Mundo

MacAllister, Messi e Álvarez, da Seleção Argentina
Divulgação/Copa do Mundo

Albiceleste vai em busca do tricampeonato mundial no domingo

Já conhecemos a 1ª finalista da Copa do Mundo de 2022. Em um confronto decidido nos contra-ataques de Julián Álvarez e Lionel Messi, a Seleção Argentina vence a Croácia por 3×0 e garantiu a vaga na grande decisão, em busca do tricampeonato do Mundial.

E a Argentina vence a Croácia

A Croácia até começou melhor no jogo, com boa presença no ataque e boa troca de passes, forçando a Argentina à um jogo defensivo. Assim, o treinador Lionel Scaloni soube ler rapidamente o jogo e mudar o perfil da Argentina para um futebol mais reativo. Os sul-americanos apostavam na velocidade para pegar a defesa croata no contra-ataque. Se a Croácia tinha dificuldade para tornar o controle de jogo em criação de oportunidades reais, a Argentina assustava nas raras subidas.

E isso foi colocando os hermanos dentro do jogo. Aos poucos, a partida foi ficando aberta e muito mais favorável à Argentina, que logo abriria o placar. Aos 31, Enzo Fernández lançou Julián Álvarez nas costas da defesa croata e o atacante foi derrubado por Livakovic. Pênalti. Gol de Lionel Messi, maior artilheiro da Argentina na história das Copas do Mundo, com 11 tentos.

Mas a Seleção Croata sentiu o gol. Assim, a Argentina soube aumentar a pressão para ampliar o placar e levar uma vantagem maior para o intervalo. Aos 38, os albicelestes partiram em disparada em mais um contra-ataque, e Messi achou Julián Álvarez, que disparou, foi trombando e deslocou o goleiro para ampliar.

Mas nem isso tirou a Argentina do ataque. Os latinos tiveram a chance do 3×0 ainda no 1º tempo, e também não seria o intervalo a diminuir a pressão hermana. Segurando bem as tentativas croatas de contra-ataque, os argentinos tomaram controle total do jogo no 2º tempo e basicamente não sofreram chance real de gol ao longo de toda a partida. Então, o 3º gol viria novamente com Julián Álvarez. Em uma jogada individual de Messi pela esquerda, o camisa 10 fez o que quis com a defesa e ajeitou na medida para Álvarez escorar para fechar o placar.

A Argentina na final

Assim, a decisão da Copa do Mundo volta a ter uma seleção sul-americana após 8 anos. A última, inclusive, foi com a própria Argentina, vice-campeã em 2014, contra a Alemanha. Agora, o time volta a campo às 12h do domingo, no Lusail, no jogo mais importante dessa grande disputa.

Contra o vencedor de Marrocos e França, que se enfrentam às 16h desta quarta-feira, a Argentina vai em busca do tricampeonato mundial, relembrando as conquistas históricas de 1978 e 1986.

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Mercado

Atacante de 33 anos estava no futebol chinês O atacante Henrique Dourado tem um novo clube para a sequência da sua carreira. Nesta terça-feira, o...

Flamengo

Treinador argentino evita falar em reforços e garante foco em recuperar time na La Liga e Champions League O técnico Jorge Sampaoli tem o...

Mercado

Peruano terá 1ª experiência no país O dia está agitado para o Racing Club. Depois de garantir o título da 1ª edição da Supercopa da...

Futebol

Último clube do treinador foi o Atlético-GO, em 2020 Após três anos longe da área técnica, o treinador Cristóvão Borges está de volta ao futebol....