O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Bombando

Neymar diz não saber se volta a futebol brasileiro e revela vontade de atuar nos Estados Unidos

Neymar avalia volta ao Brasil e revela vontade de atuar nos EUA

Fora do Brasil há quase 10 anos, Neymar não garante que voltará a atuar em sua terra natal. Em entrevista ao podcast “Fenômenos”, ao lado de Ronaldo e o streamer Gaules, o astro do PSG foi questionado sobre os planos para o futuro da carreira e revelou o desejo de jogar nos Estados Unidos.

“Não sei, tenho minhas dúvidas. Não sei se volto a jogar no Brasil. Tenho muita vontade de jogar nos Estados Unidos, isso tenho vontade. Pelo menos uma temporada. No Brasil, não sei. Às vezes quero, às vezes, não”, disse. O craque ainda comentou sobre uma possível aposentadoria, mas revelou não ter idade estipulada. “Brinco muito com meus amigos, falo que com uns 32 já está bom (risos). Mas sinceramente, não sei. Vou jogar até cansar mentalmente. A partir do momento em que eu estiver bem de cabeça e de corpo… De corpo, acho que eu vou conseguir durar mais uns aninhos, mas é a cabeça que precisa estar bem”, completou.

Apesar de muitas vezes se enxergar distante do Brasil, Neymar reiterou o carinho que tem pelo Santos, indicando que gosta muito de atuar na Vila Belmiro. Neymar tem contrato com o PSG até 2034.

Ao comentar sobre a Copa do Mundo de 2022, Neymar citou França, Alemanha e Argentina como favoritos na briga pelo título e elogiou a seleção brasileira. No entanto, reclamou que torcedores e imprensa “criticam a todo momento”. O craque ainda avaliou o distanciamento da torcida, mas disse não saber o motivo.

“É pouco comentado, as pessoas não sabem quando vai ser (jogo). E isso é ruim. É triste viver nesta geração em que a seleção brasileira joga não é importante. Quando eu era criança, o jogo da Seleção era um evento, tinha que parar, encontrar a família inteira com camisa, bandeira na janela, era churrasco, bolo em casa. Era um evento. Hoje em dia não tem mais essa importância. Não sei porquê. Não sei como chegamos a esse estado, mas tenho esperança que isso tudo volte, o torcedor possa estar junto e ir em busca da Copa do Mundo, que todo mundo quer”, lamentou.
Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Série B

Um dos maiores campeonatos de eSports do mundo, no Warzone é palco de diversos casos de hackers, sendo um deles até o campeão

Futebol Internacional

Curtis “Toyz”, campeão do Worlds com a Taipei Assassins em 2012, foi preso acusado de tráfico de drogas no Taiwan

Futebol Internacional

A desenvolvedora do jogo Riot Games anunciou novas medidas de penalidades para jogadores AFK nas partidas de LoL

Barcelona

Novo vínculo do maior jogador de todos os tempos com a T1 foi inspirado no retornou do astro a NBA em 1995