O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

CBF

Série D passa a dar cota e premiação aos clubes

Conselho técnico da Série D '
Lucas Figueiredo/CBF

A CBF realizou o conselho técnico da Série D nesta quarta-feira. O evento, que contou com a participação de representantes de todos os 64 clubes da 4ª Divisão, definiu os detalhes para a realização do torneio nesta temporada.

A principal novidade foi anunciada pelo presidente em exercício da CBF, Ednaldo Rodrigues. O mandatário revelou que, agora, cada um dos clubes participantes da Série D terá direito a uma cota de R$ 120 mil pela participação. Além disso, a Confederação seguirá arcando com os custos de transporte, hospedagem, alimentação, arbitragem e dopagem pata todas as equipes e partidas.

A CBF ainda garantiu uma premiação aos quatro times que conseguirem o acesso. Assim, o próximo campeão da Série D receberá R$ 320 mil, enquanto o vice ganha R$ 250 mil; o terceiro, R$ 150 mil; e o quarto, R$ 100 mil. Além disso, os clubes finalistas ganham um veículo. Ao todo, a CBF terá um investimento de cerca de R$ 60 milhões na realização do campeonato.

Esse foi o primeiro conselho técnico da história da Série D – disputada desde 2009. Então, o presidente da CBF comentou a importância de realizar esse evento. “É um espaço de debate e de exercício da democracia. O conselho é a instância soberana para tomar decisões acerca da competição. Nosso objetivo é sempre diminuir as desigualdades no futebol brasileiro. Fortalecer a Série D é fundamental nesse propósito. Queremos dar mais visibilidade e também buscar parcerias fortes para a transmissão dos jogos”.

A fórmula da Série D

O conselho também confirmou o modelo de disputa da Série D em 2022. O torneio seguirá a fórmula que teve nos últimos dois anos, mas com uma mudança sutil e já prevista. Isso porque a fase preliminar não é mais necessária, uma vez que o torneio deixou de ter 68 para ter 64 clubes. Assim, o campeonato já começa diretamente na fase de grupos, formada por oito times em oito chaves. Depois, os quatro melhores avançam para uma disputa que vai em mata-mata até à final. Então, os clubes fazem de 14 a 24 jogos até o título nacional.

 

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Série B

Um dos maiores campeonatos de eSports do mundo, no Warzone é palco de diversos casos de hackers, sendo um deles até o campeão

Futebol Internacional

Curtis “Toyz”, campeão do Worlds com a Taipei Assassins em 2012, foi preso acusado de tráfico de drogas no Taiwan

Futebol Internacional

A desenvolvedora do jogo Riot Games anunciou novas medidas de penalidades para jogadores AFK nas partidas de LoL

Barcelona

Novo vínculo do maior jogador de todos os tempos com a T1 foi inspirado no retornou do astro a NBA em 1995