Bombando

VAR no Brasileirão passará por mudanças, diz CBF; confira

Entidade promove alterações para trazer mais clareza no uso do árbitro de vídeo para os espectadores A CBF anunciou mudanças […]

VAR no Brasileirão passará por mudanças, diz CBF; confira - Árbitros de vídeo em treinamento dado pela CBF

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Entidade promove alterações para trazer mais clareza no uso do árbitro de vídeo para os espectadores

A CBF anunciou mudanças para o VAR no Brasileirão nesta quarta-feira (5), com o intuito de tornar mais claro o uso do árbitro de vídeo para espectadores e torcedores nos estádios.

De acordo com a entidade, a comunicação do árbitro de campo com os árbitros na cabine do VAR terão imagens e áudio para todo o estádio e as transmissões na TV.

Além disso, há outras recomendações para o VAR no Brasileirão: menos jogadores irão para o aquecimento por vez, as reclamações contra o árbitro de vídeo serão punidas com maior rigor, e os acréscimos das partidas serão maiores.

O presidente da comissão de arbitragem da CBF, Wilson Seneme, comentou sobre a mudança na comunicação, que servirá para tornar mais claras as decisões tomadas e como chegaram até elas.

“A arbitragem vai comentar, em breves palavras, a decisão técnica e a disciplinar, (por exemplo) se foi cartão ou não, se foi pênalti ou não, ou se ele mantém a decisão dele”, disse Seneme.

“Isso será transmitido no telão e é importante para quem está no estádio e quem acompanha na TV, pois mostra transparência e respeito muito grandes. Estamos preparando os árbitros de elite para não cometerem nenhum equívoco também na hora de se expressar”, acrescentou.

Árbitros de vídeo em treinamento dado pela CBF
O VAR no Brasileirão passará por mudanças definidas pela CBF. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

VAR no Brasileirão: Mudanças nas linhas de impedimento

Além disso, entre as outras mudanças para o VAR no Brasileirão serão postas em prática, a das linhas de impedimento traçadas no vídeo são um dos alvos. 

Com a nova recomendação, caso a linha do atacante esteja minimamente sobreposta à do defensor, não será considerado impedimento.

Para essa diferenciação, quando as linhas se tocam, elas aparecerão azul no vídeo, validando o lance.

Isso reflete num pedido dos clubes, que reclamaram bastante de impedimentos milimétricos apontados pelo VAR no Brasileirão e em outras competições.

“Quando as linhas estiveram lado a lado, mesmo que encostadas, continuam valendo a cor. Mas quando sobrepuser uma a outra ela fica numa cor única, azul, e beneficia o ataque”, explicou.

“Isso vem de encontro a uma solicitação dos clubes no ano passado. Aquela precisão do momento em que o jogador bate na bola para fazer o lançamento é praticamente impossível de captar”, encerrou Seneme.

Mais notícias e informações quentinhas sobre futebol e outros esportes você vê no Jogo Hoje.

VAR no Brasileirão passará por mudanças, diz CBF; confira - Árbitros de vídeo em treinamento dado pela CBF
CBF tem realizado treinamento de capacitação para árbitros que cuidarão do VAR. Foto: Lucas Figueiredo/CBF
COMPARTILHE

Bombando em Bombando

1

Bombando

Tênis: João Fonseca vence chileno, avança às quartas e faz história no Rio Open

2

Bombando

F1: equipes iniciam pré-temporada com testes no Bahrein

3

Bombando

NBA: LeBron James revela que aposentadoria “está chegando”

4

Bombando

F1 e FIA se posicionam sobre caso Horner, chefe da RBR investigado por ‘conduta imprópria’

5

Bombando

Liga das Nações de Vôlei terá 18 seleções a partir de 2025