O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Seleção brasileira

Estreantes em convocação, Ibañez e Bremer destacam sentimento de chegar à Seleção Brasileira

zagueiros - Seleção Brasileira
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Defensores foram chamados pelo técnico Tite para participar de últimos amistosos com a Seleção Brasileira antes da Copa no Catar

Estreantes com a Seleção Brasileira, os zagueiros Ibañez e Bremer foram os primeiros entrevistados na preparação para os últimos amistosos antes da Copa do Mundo. Jovens, os dois estão na disputa pela última vaga no setor pensando no Catar. Por isso, fazem parte da última convocação do técnico Tite antes da lista definitiva, a ser divulgada em outubro.

Atuando por Roma e Juventus, respectivamente, Ibañez e Bremer também são considerados como boas peças para uma provável renovação da defesa brasileira a partir do próximo ciclo. Assim, questionados sobre a chegada da Seleção, ambos fizeram questão de destacar a importância da oportunidade.

“Chegar aqui é uma sensação inexplicável. Estar ao lado de atletas de alto rendimento é um sentimento inexplicável”, apontou Bremer.

“Estou muito feliz pela oportunidade de estar aqui, mas sei do peso da responsabilidade. É um sonho de todos atletas, de toda criança. Sei que está perto a Copa do Mundo, mas vim buscar meu espaço. São 10, 12 dias de treino e jogos e vim para dar meu máximo, dar meu melhor, mostrar para o professor que sou capaz”, complementou o zagueiro da Velha Senhora.

Experiência na Itália

Atletas de duas das principais equipes italianas, Ibañez e Bremer projetam agregar essa experiência na Serie A para sua trajetória com a camisa Canarinha. Assim, os jogadores colocam que com trabalho desenvolvido em seus clubes, ambos podem evoluir e agarrar as chances defendendo o Brasil.

“Acho que a Itália tem um futebol tático defensivamente. Eles já tiveram alguns dos melhores zagueiros do mundo, como Maldini, Nesta. Antes de começarmos a jogar com a bola, já fazemos a parte tática na Itália. Converso bastante com o Chielini, tive treinadores italianos que me ensinaram bastante. Para a defesa, a Itália é o berço. Isso ajuda muito”, salientou Bremer.

“Logo no início eles (italianos) têm profissionais para você aprender o mais rápido possível o jeito que eles trabalham. Isso agrega bastante para a gente. Tive meu primeiro ano na Atalanta, agora, do lado do José Mourinho (técnico português), com ele me dando dicas e ideias de como se jogar na Itália, isso ajudou bastante para estar aqui hoje”, finalizou Ibañez.

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Mercado

Atacante de 33 anos estava no futebol chinês O atacante Henrique Dourado tem um novo clube para a sequência da sua carreira. Nesta terça-feira, o...

Flamengo

Treinador argentino evita falar em reforços e garante foco em recuperar time na La Liga e Champions League O técnico Jorge Sampaoli tem o...

Mercado

Peruano terá 1ª experiência no país O dia está agitado para o Racing Club. Depois de garantir o título da 1ª edição da Supercopa da...

Futebol

Último clube do treinador foi o Atlético-GO, em 2020 Após três anos longe da área técnica, o treinador Cristóvão Borges está de volta ao futebol....