O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Futebol Internacional

Ídolo do Barcelona, Piqué diz que “prefere morrer” a jogar no Real Madrid

Ídolo do Barcelona, Piqué diz que "prefere morrer" a jogar no Real Madrid
Zagueiro colocou mais um elemento na agitada rivalidade entre Barcelona e Real Madrid. Foto: Reprodução/Instagram de Piqué

Que a rivalidade entre Barcelona e Real Madrid é uma das maiores do mundo todo mundo sabe, mas o zagueiro Gerard Piqué fez questão de deixar isso ainda mais explícito. Em entrevista ao talk-show espanhol “El Hormigueiro”, o defensor do clube catalão não titubeou: afirmou que prefere morrer a jogar nos Merengues. Mesmo não estando no auge técnico da carreira, como ficou em anos anteriores, Piqué é titular do Barcelona. Revelado pela equipe espanhola em 2004, Piqué rodou por alguns clubes até retornar para Catalunha, o que aconteceu em 2008, quando deixou o Manchester United. De lá para cá, transformou-se em um dos grandes ídolos do Barça.

“É absolutamente impossível (jogar no Real Madrid). Não há nada entre nós. Prefiro morrer a ir para o Real Madrid”, disse o zagueiro. Além de falar sobre a rivalidade entre os clubes, o defensor comentou sobre a temporada do brasileiro Vinícius Júnior, um dos protagonistas do maior rival. Na visão do jogador de 34 anos, a temporada que o atacante do Real Madrid vem fazendo até o momento é digna de uma nota 9, entre 0 a 10.

Com mais de 30 títulos pelo Barcelona e quase 600 partidas jogadas, Piqué está eternizado na história do clube catalão. Sobre o futuro dele, hoje com 34 anos, o zagueiro afirmou que ainda não sabe quando vai parar, mas admite que vai sentir falta da rotina. “Você joga desde os 16 anos e, de repente, tudo acaba. Por mais preparado que você esteja, dizem que é o precipício e demora muito para se adaptar à nova vida. (…) Tento me preparar para esta vida nos últimos jogos. Não vai ser tão difícil, mas tenho certeza que vou sentir falta”, afirmou o zagueiro.

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

Série B

Um dos maiores campeonatos de eSports do mundo, no Warzone é palco de diversos casos de hackers, sendo um deles até o campeão

Futebol Internacional

Curtis “Toyz”, campeão do Worlds com a Taipei Assassins em 2012, foi preso acusado de tráfico de drogas no Taiwan

Futebol Internacional

A desenvolvedora do jogo Riot Games anunciou novas medidas de penalidades para jogadores AFK nas partidas de LoL

Barcelona

Novo vínculo do maior jogador de todos os tempos com a T1 foi inspirado no retornou do astro a NBA em 1995