O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Ceará

Jô projeta novo começo no Ceará e diz que extracampo: “ficou para trás”

Jô - Ceará
Foto: Felipe Santos/Ceará SC

Aos 35 anos, experiente atacante Jô foi contratado para comandar o setor ofensivo do Ceará; atleta é o 5º centroavante do elenco do Vozão

Duas semanas após ser anunciado pelo Ceará, o atacante Jô foi, finalmente, apresentado oficialmente à torcida alvinegra. Vindo de uma saída conturbada no Corinthians, o jogador de 35 anos apontou que vê a sua chegada da Vozão como uma novo começo na carreira. “Quando você chega a um clube, você sempre acredita que é uma nova oportunidade e uma nova experiência. Para mim não é diferente, como eu falei, fui muito bem recepcionado pelos torcedores, pelos jogadores e por todo mundo, então quero retribuir da melhor maneira”, disse o atacante. De acordo com Jô, todos os jogadores possuem alguns problemas ao longo da carreira. Contudo, o atacante afirma que as polêmicas extracampo ficaram para trás. Segundo ele, seu foco agora é ajudar os alencarinos a se distanciarem da zona de rebaixamento na Série A “Problemas todos os jogadores têm, alguns menos e outros mais, somos seres humanos. Claro que a gente tenta errar o menos possível, mas isso já ficou para trás e o que eu penso agora é no Ceará e em tentar colocar o clube na melhor posição possível no Campeonato Brasileiro. Isso está me motivando para fazer o meu melhor”, pontuou o jogador

A situação na Série A

Atualmente, o Ceará vive situação delicada na tabela da Série A. Sem vencer há cinco jogos, o Vozão é o 15º colocado na elite nacional com 26 pontos. Essa queda de desempenho fez com que a cobrança interna e em meio da torcida aumentasse bastante em Porangabuçu. Por isso, o recém-apresentado elogiou os companheiros e afirmou que as coisas vão voltar ao trilho. “A pressão em um clube grande como o Ceará sempre vai existir, não só na minha posição, mas em todas as outras. A gente tem que entender qual é a situação do clube. Eu particularmente me incomodo quando passo um tempo sem fazer gol, procuro fazer de qualquer maneira, mas com a cabeça boa, porque, para centroavante, uma hora aparece a oportunidade. Temos uma boa equipe, e o gol vai aparecer. É colocar na cabeça que tudo vai dar certo”, finalizou Jô.
Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Mercado

Atacante de 33 anos estava no futebol chinês O atacante Henrique Dourado tem um novo clube para a sequência da sua carreira. Nesta terça-feira, o...

Flamengo

Treinador argentino evita falar em reforços e garante foco em recuperar time na La Liga e Champions League O técnico Jorge Sampaoli tem o...

Mercado

Peruano terá 1ª experiência no país O dia está agitado para o Racing Club. Depois de garantir o título da 1ª edição da Supercopa da...

Futebol

Último clube do treinador foi o Atlético-GO, em 2020 Após três anos longe da área técnica, o treinador Cristóvão Borges está de volta ao futebol....