O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Bombando

Supercopa de Vôlei: Estrelas de Minas e Cruzeiro comentam expectativas para o jogo

Wallace, oposto do Cruzeiro na Supercopa de Vôlei
Agencia i7/Sada Cruzeiro

Disputa da Supercopa acontece às 10h da manhã do domingo

Supercopa de Vôlei vai reunir algumas das maiores estrelas do voleibol brasileiro neste domingo. O confronto entre Itambé MinasSada Cruzeiro vai reunir quatro jogadores recém-chegados do Mundial, após ganhar  o bronze com a Seleção Brasileira.

No Recife, o Cruzeiro terá o oposto Wallace, o central Lucão e o ponteiro Rodriguinho, enquanto o Minas conta com o líbero Maique. De quebra, a Raposa ainda conta com o ponteiro Miguel Ángel López, que jogou o Mundial pela Seleção Cubana.

Assim, a reportagem do Jogo Hoje conversou com algumas dessas estrelas que decidem o 1º título do vôlei nacional na temporada 2022/23. Na pauta, as expectativas para os jogos e a jornada dupla, atuando nas temporadas de seleções e de clubes.

Wallace, motivado para toda disputa

O oposto Wallace, do Cruzeiro garantiu que a temporada com a Seleção Brasileira tem um ritmo diferente do trabalho com os clubes. “Sair da seleção e voltar ao clube é outro ritmo, outras proporções, mas a vontade e a gana de ganhar não muda. A gente chega sempre motivado para tentar ganhar todo campeonato que disputa e não vai ser diferente neste ano pelo Sada”.

Assim, ele comentou sobre as boas expectativas para a partida deste domingo. “A expectativa é boa, acho que vai ser um grande jogo, tentar explorar ao máximo os erros do Minas para sair com a vitória, mas acho que vai ser um jogo muito bom”, afirmou.

Além disso, Wallace também falou sobre a experiência de jogar no Recife. “É muito legal vir para cá pela 1ª vez, encontrar essa torcida. Fico feliz. É muito importante vir a um estado, um município como Recife, que não está tão acostumado a receber jogos da Superliga, da Seleção. Espero que seja um grande espetáculo para todo mundo”, disse Wallace.

Maique, da Seleção para a Supercopa

Pelo lado do Minas, o líbero Maique também falou sobre essa mudança de ritmo entre seleção e clube. “É um pouquinho conturbado, bem cansativo. A temporada de seleção é bem cansativa, aí sai e vai para clube e sai do clube, vai para a seleção. Mas é algo que a gente vai se adaptando. Estou na seleção já vai fazer cinco anos e a gente vai se reinventando ali”.

Apesar desse ritmo cansativo, porém, Maique garantiu que essa jornada dupla é boa. “Querendo ou não, é uma rotina que eu gosto. Eu amo jogar voleibol, amo o que eu faço. Então, apesar dos pesares, é sempre bom, mas faz parte do processo. A gente segue trabalhando e depois colhe os frutos do processo”, afirmou o líbero.

Assim, o líbero também falou sobre as expectativas para o jogo. “A expectativa é a melhor possível. É a minha 1ª Supercopa, já são oito anos de Minas. E para mim é uma gratidão estar aqui, estou muito feliz. A gente trabalha muito, muito, já cheguei aqui sem folga, focado justamente na final da Supercopa”, afirmou, antes de continuar.

“Vai ser uma grande partida, são duas equipes super bem treinadas, as duas são muito qualificadas. A gente vem trabalhando, se dedicando muito para levar esse título, já começar a temporada bem, que vai ser algo muito importante para o nosso trabalho e para delas ainda mais os nossos objetivos”, concluiu Maique.

Rodriguinho, pela 1ª vez no Recife

Também voltando de uma boa temporada com a Seleção Brasileira, o ponteiro Rodriguinho comentou sobre as expectativas para o jogo da Supercopa de Vôlei. O jogador do Cruzeiro lembrou da boa rivalidade entre os dois clubes mineiros na temporada passada.

“A expectativa é de um jogo equilibrado. Sempre que a gente jogou com o Minas, a gente ganhou nos últimos jogos. Mas é sempre um jogo muito difícil, mesmo quando a gente ganha, eles sempre fazem um grande jogo e acho que agora não vai ser diferente. A gente tem que entrar muito forte, concentrado, para poder buscar a vitória “.

Além disso, Rodriguinho também falou sobre a recepção do time no Recife, cidade que ele não conhecia. “Eu gostei bastante. Pessoalmente, eu não conheço, nunca tinha vindo para cá, mas vi que tem muita gente que acompanha, muitas mensagens, gente aqui, esperando a gente no hotel. Fico muito feliz em saber que a galera aqui também acompanha, gosta bastante e fico feliz de poder jogar aqui esta partida”, concluiu.

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Futebol Internacional

Curtis “Toyz”, campeão do Worlds com a Taipei Assassins em 2012, foi preso acusado de tráfico de drogas no Taiwan

Série B

Um dos maiores campeonatos de eSports do mundo, no Warzone é palco de diversos casos de hackers, sendo um deles até o campeão

Futebol Internacional

A desenvolvedora do jogo Riot Games anunciou novas medidas de penalidades para jogadores AFK nas partidas de LoL

Futebol Internacional

Cotada como underdog, a EDG venceu a favorita DWG por 3-2 e faturou seu primeiro título mundial na final mais assistida da história