O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Bombando

Supercopa: Barcelona vence Real e levanta taça

Barcelona comemora conquista da Supercopa.
Divulgação/FCB

A Supercopa é dos blaugranos. Neste domingo, o Barcelona se impôs, dominou o Real Madrid e conquistou a taça após vencer o rival por 3 a 1. Gavi, Lewandowski e Pedri anotaram para os campeões. Benzema descontou.

Os culés foram superiores durante os 90 minutos e conquistaram a Supercopa pela 14ª vez em sua história. Eles são os maiores campeões do torneio.

Supercopa: Barcelona domina do início ao fim

A primeira oportunidade do ‘El Clásico’ na decisão foi do Barcelona. Aos 14 minutos da etapa inicial, a bola ficou com Lewandowski, que emendou chute forte de pé direito para ótima defesa de Courtois. No rebote, Balde mandou para fora.

Poucos instantes depois, foi a vez do Real Madrid responder. Após tabela de Vini Jr com Camavinga, Mendy foi acionado em ultrapassagem pela esquerda e cruzou com precisão para Benzema, mas o camisa nove merengue errou o movimento e desperdiçou uma boa chance de abrir o marcador.

Dupla funciona

Divulgação/FCB

O Barça abriu o placar com o jovem Gavi. Após erro na saída de bola da defesa merengue, Lewandowski recuperou a bola e achou o camisa 30, que, na cara do gol, não perdoou e abriu o placar.

No final do primeiro tempo, o presente foi retribuído: Gavi recebeu pela esquerda, carregou para o fundo e tocou para Lewandowski decidir: 2 a 0 para o Barça.

Barcelona ‘mata’ o jogo no 2º tempo

Aos 22 do segundo tempo, o atacante polonês carregou, livre de marcação, e tocou para Gavi. O camisa 30 acionou outro jovem, Pedri, que marcou o terceiro do Barça.

O gol selou o título que já estava encaminhado. Foi o primeiro troféu conquistado por Xavi Hernández como técnico do Barcelona.

Benzema descontou…

No apagar das luzes, o Real Madrid conseguiu anotar seu gol de honra com Karim Benzema, que aproveitou a sobra dentro da área para emendar um bonito chute de primeira. No entanto, já era tarde.

Gavi brilha na Supercopa

Divulgação/FCB

O dono da noite em Riade foi o jovem Gavi, de apenas 18 anos. Revelado nas categorias de base do Barcelona, o meia da seleção espanhola foi o grande destaque da decisão da Supercopa, com duas assistências e um gol marcado na vitória contra os merengues.

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Mercado

Atacante de 33 anos estava no futebol chinês O atacante Henrique Dourado tem um novo clube para a sequência da sua carreira. Nesta terça-feira, o...

Flamengo

Treinador argentino evita falar em reforços e garante foco em recuperar time na La Liga e Champions League O técnico Jorge Sampaoli tem o...

Mercado

Peruano terá 1ª experiência no país O dia está agitado para o Racing Club. Depois de garantir o título da 1ª edição da Supercopa da...

Futebol

Último clube do treinador foi o Atlético-GO, em 2020 Após três anos longe da área técnica, o treinador Cristóvão Borges está de volta ao futebol....