O que você está procurando?

  • América-MG
  • Athletico-PR
  • Atlético-GO
  • Atlético-MG
  • Avaí
  • Botafogo
  • Ceará
  • Corinthians
  • Coritiba
  • Cuiabá
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Fortaleza
  • Goiás
  • Internacional
  • Juventude
  • Palmeiras
  • Red Bull Bragantino
  • Santos
  • São Paulo
  • Bahia
  • Brusque
  • Chapecoense
  • CRB
  • Criciúma
  • Cruzeiro
  • CSA
  • Grêmio
  • Guarani
  • Ituano
  • Londrina
  • Náutico
  • Novorizontino
  • Operário Ferroviário
  • Ponte Preta
  • Sampaio Corrêa
  • Sport
  • Tombense
  • Vasco
  • Vila Nova

Bombando

Após vice no México, Bia Haddad Maia alcança feito inédito para o tênis brasileiro

Tênis - Bia Haddad Maia e Anna Danilina
Divulgação/CBT

Bia perdeu final de duplas neste domingo para dupla de Luisa Stefani

Depois de um domingo histórico para o tênis brasileiro, a segunda-feira traz outra boa novidade para o país. Nos novos rankings da WTA (Associação de Tênis Feminino), a paulista Bia Haddad Maia se tornou a 1ª brasileira a aparecer simultaneamente no top-15 de simples e de duplas.

O domingo histórico

Em Guadalajara, no México, o domingo foi todo brasileiro. A cidade recebeu a 1ª final de um torneio WTA1000 com duas brasileiras na disputa. Na decisão do torneio de duplas, vitória de Luisa Stefani, ao lado da australiana Storm Sanders, sobre Bia Haddad, que jogou ao lado da cazaque Anna Danilina.

Em quadra, 2-1 para Stefani (7-6, 6-7 e 10-8). Esse foi o 1º título de WTA 1000 para Stefani depois da grave lesão que a tirou das quadras por quase um ano, além de ser o 1º em dupla com Sanders.

Além disso, essa também foi a 1ª final de WTA 1000 para Bia Haddad em duplas. Nesta temporada, ela já tinha sido finalista derrotada em um torneio de simples da WTA 1000 e de um Grand Slam (Australian Open) nas duplas.

O Ranking de Bia Haddad

Assim, Beatriz fez aquilo que já se acostumou nesta temporada: atingiu mais uma marca histórica. No Ranking da WTA, atualizado nesta segunda-feira, a brasileira aparece na 15ª posição entre as tenistas de simples. Mas além disso, ela é a número 13 entre as duplistas.

Então, ela se torna a 1ª brasileira a ocupar o top-15 de simples e de duplas ao mesmo tempo. Para Luisa Stefani, que perdeu grande parte da temporada, seu ranking já evoluiu para a 55ª colocação.

Essa final encerra a temporada das duas no circuito da WTA, mas o ano ainda não acabou. Isso porque Bia Haddad vai disputar o WTA Finals (sendo a 1ª brasileira na história do torneio), nos EUA, ao lado de Danilina. Depois, Bia e Luisa se encontram na Argentina para representar o Brasil na Billie Jean King Cup e encerrar a temporada de vez.

Clique aqui para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Mercado

Atacante de 33 anos estava no futebol chinês O atacante Henrique Dourado tem um novo clube para a sequência da sua carreira. Nesta terça-feira, o...

Flamengo

Treinador argentino evita falar em reforços e garante foco em recuperar time na La Liga e Champions League O técnico Jorge Sampaoli tem o...

Mercado

Peruano terá 1ª experiência no país O dia está agitado para o Racing Club. Depois de garantir o título da 1ª edição da Supercopa da...

Futebol

Último clube do treinador foi o Atlético-GO, em 2020 Após três anos longe da área técnica, o treinador Cristóvão Borges está de volta ao futebol....